Terça-Feira, 13 de Novembro de 2018

Caroline Silva Fraga

Eu sou Fonoaudióloga, Palestrante, trabalho com aperfeiçoamento da comunicação.
Eu atuo na área de Aperfeiçoamento da Comunicação há 06 anos. O que eu venho percebendo atendendo inúmeros clientes a falta de “consciência” da forma como se comunica e perdendo assim, oportunidades de conquistar um emprego ou uma promoção tão sonhada.Então, eu quero te ajudar a ter consciência a partir dicas, orientações e notícias sobre fala dicção, projeção vocal, qualidade da voz, postura corporal, expressões faciais, construção de argumentos etc.

Acesse o meu Blog pessoal: www.phvoz.com
Lá você encontrará textos enriquecedores para continuar a sua jornada de Sucesso!!

Ver todas as colunas

Sílvio Santos, como ele fez o impossível? (Caso de comunicação bem – sucedida)



 

“Eu fui dono de televisão porque os donos de televisão fecharam as portas pra mim, e então eu fui obrigado a ser dono de televisão. Continuaria sendo animador de programa se os homens não fossem tão vaidosos, tão poderosos“
                                                                                                                                                                              (Silvio Santos)

Link de referência da frase: https://citacoes.in/autores/silvio-santos/

 

Olá,

 

Há muitos anos, às noites de domingo nunca mais foram às mesmas.....

                     

 

É uma pessoa tão sorridente, que quando à imagem dele vem na sua mente, com certeza vem sorrindo....

Olha só.

Feito uma pesquisa rápida no Google a MAIORIA das fotos ele está sorrindo rs.....

 

Link de referência da foto: https://asemananews.com.br/2018/10/22/quero-as-minhas-cinzas-jogadas-no-auditorio-do-ratinho-diz-silvio-santos/

Link de referência da foto: https://www.gazetaonline.com.br/entretenimento/famosos/2018/09/nada-dura-para-sempre--lamenta-silvio-santos-ao-ver-cadeiras-vazias-1014147614.html

 

Agora imagine que Silvio Santos conseguiu algo que todos os brasileiros consideram impossível....

Menos ELE

Logo o povo brasileiro, tão otimista...

Tão perseverante....

Com certeza, duvidaria que um camelô fosse dono de televisão.

Você imagina o que é isso?

Nem Silvio Santos poderia imaginar que conseguiria ir tão longe.

Mas......

 

IMPOSSÍVEL não era algo que ELE acreditava EXISTIR....

 

Ele queria o topo, estava disposto a fazer qualquer coisa para chegar lá. Até dançar rumba vestido de havaiana, se fosse preciso.


O menino que nasceu na Lapa, no Rio de Janeiro, filho de um pai grego e uma mãe turca, o infortúnio bateu cedo na sua família...

O seu pai era viciado em jogo, ganhava na lojinha da família de dia e gastava de noite no cassino...

Aos 14 anos, largou a escola e começou a se virar quando o pai perdeu a lojinha da praça Mauá... Só que não demorou muito para retornar a escola, mas já ganhava algum dinheiro apostando nos caras que jogavam sinuca nos bares da Lapa.

Por ser proibida a presença de menores nos bares de sinuca, ele ficava escondido atrás de uma geladeira grande, que separava o salão de jogo do bar, e, assim, ninguém o via fazendo apostas.  O seu pai sabia disso, mas fazia de conta que não sabia de nada.

A mãe, dele era brava. Ele apanhava dela. Ela dizia: 'Vai ter de trabalhar, senão não vai ter o quê comer, e ainda vai apanhar mais'. Foi então que ele resolveu ser camelô.

Ele começou a vender canetas, como ele achava que conquistar o público só na fala seria um pouco difícil, ele aprendeu alguns truques com moeda. Quando ele começava com os truques, primeiro paravam umas crianças e ficavam olhando. Depois vinham os desocupados. Por fim, toda gente. E ele lá, garoto bem falante, começava a explicar as qualidades das canetas.

Por diversas vezes os jornais publicaram reportagens sobre o garoto que conseguia prender diante de si um público enorme. Como ele tinha o poder de comunicação. Ele com esse poder de comunicação ganhava por dia o equivalente a quase cinco salários mínimos, que naquele tempo era de 200 cruzeiros antigos. Daí em diante nunca mais faltou dinheiro.

Silvio sabia o que queria. Sabia que era extremamente difícil. Mas também sabia que desistir não era uma opção.

Precisava conhecer as pessoas certas que acreditassem no seu sonho.

A partir de então, o que foi visto foi a construção de um campeão.

Isso mesmo. Ele foi lá e fez.

Ele não sentou e chorou.

Ele não reclamou.

Ele não se fez de vítima.

Ele, simplesmente, criou as condições que precisava para alcançar seu objetivo.

E foi assim que...

Ele fez o IMPOSSÍVEL.

 

No que a HISTÓRIA de Silvio Santos pode te ajudar?

 

Muitas vezes, estamos tão focados nos nossos problemas que não conseguimos enxergar soluções.  Então, optamos em viver lamentando ou culpando alguém...

É preciso parar, refletir e tentar ver por outra perspectiva.

Quando não acreditamos em algo, nossas ações tendem a ser pequenas. 

E, mesmo com bastante potencial, você faz o quê? Isso mesmo. Nada. 

Para conseguir os resultados que queremos, precisamos identificar quais aspectos precisam ser modificados e agir.

Tem mais...

Ele tinha um propósito.

Para qualquer brasileiro, ele fez o impossível. Para ele, foi apenas uma questão de atitude. 

O que você precisa fazer é identificar quais as coisas impossíveis que existem na sua vida, e, depois, descobrir quem são as pessoas que podem tornar isso possível.


Se rodeie de pessoas que fazem coisas impossíveis.

Aprenda a construir bons relacionamentos.

Tenha consciência da forma como você fala e melhore.

Não cristalize em um estilo pessoal. Silvio Santos sempre teve um estilo expressivo, mas quando ele quis ir além precisou mudar  o seu estilo para ser FLEX.

Tenha uma linguagem corporal compatível com o que você fala.

E por fim, seja faminto pelo seu sucesso.

 

Até breve,

 Acesse o meu Blog pessoal: www.phvoz.com
Lá você encontrará textos enriquecedores para continuar a sua jornada de Sucesso!!












Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.